11 julho 2013

Babysitter - Capitulo 15


No meu lugar,haviam limites que não poderia mudar,eu estava perdido oh sim
In My Place - Coldplay


- Abby? – escutei alguém falar meu nome e me virei para o lado vendo Justin sentado em um banco perto de nós dois.
- Justin? – ele se levantou e veio em nossa direção me fazendo soltar rapidamente minha mão da do Kyle – será que pode nos dar um segundo? – perguntei baixo para o Kyle.
- Claro, se precisar de mim eu vou estar no Pietro – assenti e ele voltou em direção ao Pietro.
- Você não ia para casa por que sua mãe estava furiosa? – escutei a voz do Justin e me virei lentamente para ele encarando aqueles olhos cor – de – mel.
- Eu fui para casa.
Ele me interrompeu – mas errou o caminho do seu quarto?
- Não, eu só...
Ele me interrompeu novamente – olha Abby, era só falar que ia encontrar com seu namorado, que no caso é corno, não precisava dizer que tinha que ir para casa.
- Justin...
- E desde quando tem um namorado?Que eu saiba...
- Justin! – praticamente gritei o fazendo parar de falar e olhar para mim – eu fui para casa, minha mãe me obrigou a vir aqui.
- Você não parecia que estava sendo obrigada – ele me olhou com um sorriso sínico e cruzou os braços.
- Minha mãe brigou sim comigo, por isso sai às pressas de lá – disse ignorando a sua ultima frase – não tô aqui porque eu gosto dele, tô aqui pela minha mãe.
- Que obrigação ótima não é?Namorar, oh ótimo! – ele resmungou bufando alto em seguida.
- Tudo bem!Agora me diz o porquê dessa irritação toda?Eu não estou namorando contigo, você ainda não sabe se me quer ou volta para sua mulher, o que quer que eu faça?Sente e assista você decidir se me quer? – gritei nervosa fazendo ele arregalar os olhos – e ele não é meu namorado!Mas eu bem queria que ele fosse ao menos eu não teria que ficar sofrendo por você! – o encarei ofegante enquanto ele ainda me olhava assustado.
- Abby... – ele disse dando um passo em minha direção me fazendo recuar – olha, eu – ele parou de tentar andar em minha direção e respirou fundo.
- Olha só me deixa ir embora ok? – suspirei alto jogando o cabelo que caia em meu rosto para trás – quando a Jas voltar me avisa e eu vou, mas enquanto isso eu acho melhor ficarmos longe um do outro.
- Abby...
- Justin, eu realmente gosto muito de você e eu acho fofo você sentir ciúmes de mim, quer dizer que também sente algo por mim, mas eu não acho que esse sentimento seja uma coisa parecida com amor, e-eu só... – respirei fundo – não quero ser a garota que te impediu de voltar para sua mulher, não quero que a Jas me odeie porque eu separei os pais dela – joguei novamente meus cabelos para trás – eu só cansei de sofrer por você sendo que o que eu ganho em troca é umas tentativas de me levar para cama, sua camisa e uma dormida depois de ficar bêbada – soltei o ar que eu nem percebi que tinha prendido - liga quando a Jas chegar ok? – ele assentiu ainda de cabeça baixa.
Agora só o que você tem que fazer é entrar naquele carro e ir embora, você consegue Abby, não olhe para trás.
- Abby – escutei ele dizer baixo, mas ignorei seguindo meu caminho para o carro.
Senti sua mão segurando meu braço e a proximidade dos seus lábios dos meus diminuir em segundos, ele colou nossos lábios, mas eu me afastei antes que ele pudesse dar inicio a um beijo – um beijo não vai adiantar agora, Justin – sussurrei o fazendo soltar meu braço, segui até o carro e sentei no banco do passageiro notando o Kyle do meu lado.
- Você não estava no Pietro? – perguntei baixo.
- Ele tá ocupado.
- Oh.
- Quem era aquele?
- Ninguém – murmurei e logo o senti dando a partida no carro, que merda de vida!

***

- Você tá bem? – perguntou o Kyle quando paramos em frente a minha casa.
- Ótima – sorri falso e desci do carro – até qualquer dia, Kyle – não esperei sua resposta e fechei a porta seguindo até minha casa, antes que eu pudesse abrir a porta minha mãe abriu a porta.
- Então como foi?
- Ótimo – sorri falsa novamente e me dirigi até as escadas.
- Abby, ainda precisamos conversar.
- Pode ser amanha?Eu tô com dor de cabeça – não esperei sua resposta e continuei a subir as escadas, entrei no meu quarto e deixei a tristeza me consumir enquanto me jogava na cama, meus olhos começaram a pesar e eu não os impedi de fechar.

Três dias depois

Senti uma coisa gelada passar pelo meu rosto e apenas me virei de lado, até que senti a coisa gelada de novo e abri meus olhos rapidamente vendo uma língua enorme na minha frente, arregalei os olhos me afastando um pouco vendo um Golden Retriever na minha frente.
- Mas o que? – praticamente gritei encarando aquele cachorro me levantei desviando do cachorro e sai do quarto sendo seguida por ele – pai!Desde quando temos um cachorro? – gritei enquanto terminava de descer as escadas.
- Desde hoje – escutei ele gritar de volta.
- Por quê? – gritei chegando à sala onde ele estava sentado ao lado do Bryan.
- Porque é aniversario do seu irmão e ele quis um cachorro – sorri para o Bryan e o peguei no colo.
- Tá idoso meu bebê, pai – disse fazendo meu pai rir – temos que mandar ele para um asilo.
- Não exagera – ele disse rindo e eu beijei a bochecha do Bryan o fazendo rir.
- E esse cachorro enorme?
- Ele não é enorme! – disse o Bryan abraçando o cachorro.
- Sim, ele é – disse olhando para o meu pai.
- Ele escolheu!Não é culpa minha.
- A mamãe sabe disso? – ele negou me fazendo rir – diga adeus ao cão – disse fazendo uma dramatização e me joguei no sofá ao lado do meu pai logo o cachorro pulou em cima de mim – pai!
- Não, o nome dele Buddy – disse o Bryan.
- Buddy? – olhei para o cachorro que me olhava com a boca aberta ainda em cima de mim – tá, Buddy é legal.
- Tem que levar ele para passear – disse meu pai se levantando do sofá.
- Eu?Por quê?
- Porque a moça da loja disse que ele precisa passear todos os dias.
- E ele não passeou quando veio para cá? – perguntei passando a mão no pelo do cachorro que não saia de cima de mim.
- Viemos de carro.
- Pai, o cachorro não é meu!
- E você acha que seu irmão aguenta esse cachorro? – ele me olhou levantando uma sobrancelha.
- Tá bom!E o que vocês vão fazer para o aniversario dele?
- Festa, os amiguinhos dele vêm para cá hoje, a festa vai ser no quintal – ele sorriu.
- E enquanto isso eu passeio com o cachorro?
- Buddy – me corrigiu o Bryan.
- Buddy.
- Claro que não, você tem que voltar e me ajudar a arrumar aqui.
- Pai!Vai me usar como empregada?
- Claro, você não tá fazendo nada, nem para a escola foi hoje... De novo.
- Eu dormi de mais.
- Percebi – ele resmungou.
- Amanhã eu vou.
- É bom ir mesmo.
- Vou tomar banho e ir passear com o bicho ai.
- É Buddy!
- Tanto faz Bryan – dei língua para ele.
- Pai, Abby me deu língua.
- Abby!
- Vou tomar banho – gritei subindo as escadas correndo sendo seguida pelo cachorro – pai, o cachorro tá me seguindo.
- Buddy – ele chamou junto com um assobio e o cachorro correu até ele, que mágica é essa?
Entrei no meu quarto indo direto para o banheiro tomar um demorado e gelado banho, eu simplesmente odeio banho quente, pode estar o maior frio do mundo eu tomo banho gelado. Sai do banheiro e fui até o guarda-roupa atrás de alguma roupa, peguei um short jeans, uma blusa branca com varias coisas coloridas escritas, uma jaqueta sem manga jeans e um all star cano médio preto e me vesti.
Desci as escadas já escutando os passos apressados do cachorro, logo ele pulou em cima de mim quase me derrubando.
- Buddy! – gritei tentando tirar ele de cima de mim – cachorro doido – disse rindo fazendo-o pular de novo em cima de mim – tá legal, calma – tirei ele de cima de mim novamente e continuei a descer as escadas.
- Já vai levar ele? – perguntou meu pai assim que eu cheguei à sala.
- Já, cadê a coleira?
- Acho que não precisa de coleira, ele fica só te seguindo.
- Tá, mas se eu demorar é porque ele fugiu e eu não fui atrás.
- Chegue aqui sem esse cachorro e seu irmão te deserda.
- Eu sei – disse rindo e beijei sua bochecha – tchau – sai de casa sendo seguida pelo Buddy – vamos para o parque grandão? – passei a mão em sua cabeça e ele abanou o rabo, segui até o parque que tinha perto da minha casa ainda sendo seguida pelo Buddy, por que será que esse cachorro me segue?
Chegamos enfim na rua do parque e só vi um vulto passar por mim, isso era o Buddy?
- Buddy! – gritei correndo atrás do cachorro que corria rapidamente pelo parque, merda! – Buddy!Volta aqui! – gritei novamente o vendo correr mais e pular em cima de alguém – Buddy! – corri até a pessoa no chão e puxei o Buddy de cima dela – eu sinto muito, ele é novo e eu... – parei de falar notando aqueles olhos cor – de – mel penetrantes na minha frente.
- Não tem problema – ele me olhou sorrindo e se levantou do chão – oi Abby.
- Justin – balancei a cabeça em forma de comprimento e olhei para o cachorro sentando ao meu lado – menino mal – murmurei para o Buddy e ouvi o riso do Justin.
- Ele não é um menino mal – ele riu e se abaixou passando a mão na cabeça do Buddy – eu estou cheirando a cachorra por isso ele pulou em cima de mim – o encarei confusa e ele riu – Jas levou uma amiga lá para casa e ela trouxe a cachorra.
- Ela já voltou para casa?
- Já – ele sorriu me fazendo abaixar a cabeça e morder meu lábio para não escapar “e a Megan voltou com ela?”
- Justin! – escutei um grito e lá veio a Megan em nossa direção com dois potinhos de sorvete na mão – aqui o seu sorvete – ela sorriu e entregou o potinho na mão dele – ah oi Abby.
- Oi – sorriu falsa.
- Vamos buscar a Jas no playground? – ela perguntou baixo depois de depositar um beijo rápido nos lábios dele,mas o que?
- Vamos – ele se virou para mim e sorriu fraco – até qualquer dia, Abby.
- Até – acenei para os dois e puxei o Buddy pela coleira que estava em volta do seu pescoço.
- Ei, Abby! – me virei olhando para a mocreia de cabelos negros abraçada no braço do Justin – pode ir lá para casa cuidar da Jas sexta? – ela perguntou da forma mais sínica possível.

- Claro – sorri sínica continuei andando sendo seguida pelo Buddy, como eu odeio aquela mulher!E aquele idiota também!Ele realmente mereceu ser traído por ela.


...Continua...

Eae,voltei pra postar :) eu ate ia postar ontem,mas the preguiça never ends sabe?Entao tá pequeno e ta uma merda,serio sem brincadeira eu odeie esse capitulo,mas como nada é perfeito e a preguiça never ends vai ser esse mesmo,o proximo vou tentar fazer algo que sirva pra ler,eu sei tá uma bosta!Então caras viram o selinho ali em baixo \/ tem um monte de coisa sobre o blog ali se quiser saber alguma coisa lê aquilo,enfim nada pra falar hoje.


Indiquem a fic que eu indico vcs por aqui ou pelo tt,só indiquem por ai ok?tem um botao ai do lado onde tem divulgue a fic,clica ali juro nao cai do dedo,eu já apertei ele uma vez :) fui!by: proudbelieb

24 comentários:

  1. Eu amei qe pena qe fico pequeno
    @amanda larrryne

    ResponderExcluir
  2. Continua babesssssss ta perfeito esse capitulo

    ResponderExcluir
  3. que fodaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa continua isso mulher pelo amor de deus e.. como assim ? como assim ele voltou com a megan ? não creio *O* não creiooo ele é um idiota mesmo cara! continua por favor por favooooooooooor! o mais rápido please ><'

    ResponderExcluir
  4. Simplesmente perfeito!!! Amei, posta logo o próximo!!!

    ResponderExcluir
  5. Amando!! Divando essa fic !

    ResponderExcluir
  6. Mas que merda! Por queeeee Deeeeus? Porque? Aff pqp, de novo essa baranga, me da um tiro por favor (Continua a perfeição!)aaaaaa que merda! Droga, que raiva, num curti achei ofensivo à Abby!pqpqpqppqpqpqpqppqpq saaai maaano saaai muda isso logo kkkk

    ResponderExcluir
  7. Continua, ameii *.* duda

    ResponderExcluir
  8. oooi Leitora Nova *-*
    caraaa mto booa sua fic ! eu to amando ler !
    vc escreve mtoo beem
    entao, nao se preocupe pq as vezes -sempre- eu so meio retardada kkk
    continua ta ?
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  9. Ah que Perfeito *-*
    Eu n acredito que ele voltou com a Megan :(
    Argh que Raivaaaaa !!!
    Tadinha da Abby :/
    Continuaaaaaa ...AMEI. ❤
    Bjs
    Vick

    ResponderExcluir
  10. Como assim? Justin vadio, que isso gente?! Voltou com a baranga? Nossa Abby, não deixava hein, partia pra cima, vai na voadora e depois é só soco, já era acaba com o projeto de madame! Deixa não hein Abby,ele é seu homem, isso mesmo SEU HOMI! Ah e se quiser acaba com o gostosinho também, vai só nos beijo, blz, isso ai!
    Argh, queria que a mocréia chifrasse o Justin de novo, pra vê se ele aprende ~~Ruun
    CONTINUUA
    Beijos :**

    ResponderExcluir
  11. Leitora Nova \o/
    minina do céu, se quer me matar do coração? Essa fic ta muito boa.O Jus é muito idiota, prefere ficar com a besta da Megan, enquanto é da Abby que ele gosta.Enfim estou a m a n d o continua.
    Então flor seria pedir muito pra você indicar meu blog por favor?
    Espero que goste (: www.imaginebelieberangel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Ah não justin vadio idiota , pq tem q ficar com a mocreia vadia da megan aff para achei ofensivo pra abby , tadinha ela ama tnt o jus de verdade e qnd eu achei q ele tbm tava começando a gostar dela de verdade ele volta pra aquela vadia por causa de 3 dias sem a abby ? aff continua looogo se n eu morro de curiosidade kk (: Tá mto legal , se ele voltar com a abby e se ela cair pra cima dar uma voadora e matar a vadia da megan haha ;3

    ResponderExcluir
  13. YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEY
    Mllr, ta perfeição...
    Mas isso não muda o fato de eu querer dar uma voadora naquela carinha linda e gostosa do Justin.
    A Megan... nem se fala, pq né !
    Em fim, continua ta ? *-*
    Ah e olhe meu coment que eu deixei lá no negoço do selinho hehe'
    Bejoos. / Jaii
    PS: E NÃO FIQUE EXPONDO O MEU MARIDO RYAN JÁ NÃO BASTA VOCÊ ? NÃO QUERO DIVIDIR ELE COM MAIS NINGUÉM ! U-U

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah e mllr tu me indica ?
      http://imagine-belieber0.blogspot.com.br/
      Valeu / Jaii

      Excluir
  14. Continua selinho http://mundobelieberswag.blogspot.com.br/2013/07/1-selinho.html

    ResponderExcluir
  15. Heeeeey fico ruim nao ta otimo esse cap flor,, ahh desculpa nao comenta os outros cap to sem tempo agr q fiz um blog tbm :) enfim flor ,, posta logo please *-*

    @NutteladoBieber

    ResponderExcluir
  16. sou nova leitora i esto amando segui asi linda bjs

    ResponderExcluir
  17. lindo perto segue asi

    ResponderExcluir
  18. Continuaaaa ahh o justin e um idiotaaaaa

    ResponderExcluir

Se for comentar em anonimo,deixe nome ou twitter,thanks :D