21 julho 2012

Boyfriend ♫ Capitulo 23



- Eu só estou rindo da tua besteira.
- Minha besteira?Serio?Ao menos não sou eu que estou com ciúmes do Josh.
- Ah Andy tu quer que eu fique como?Tu passa a tarde com ele e nem avisa pra ninguém e todo mundo do universo sabe que ele gosta de ti – ele se levantou e veio pra perto de mim
- Ele não... – ele me interrompeu.
- Shiiu... Eu que vou falar agora – ele disse bem próximo ao meu rosto, me fazendo olhar para seus lábios - Olha Andy foram poucas as meninas que eu pedi em namoro e essas poucas me traíram, tu não acha que eu tenho o direito de ser ciumento?Que merda, eu posso dizer “ah não foi nada, eu nem gostava delas mesmo” Man eu amava elas, tu acha que eu sempre fui um idiota que só pega e depois joga fora?Claro que não, mas essas duas e únicas meninas que eu amei me trataram como merda, eu era o menino pros pais delas conhecerem enquanto ela se comiam com outros mil por ai e eu idiota achando que elas me amavam. Tu não sabe o quanto foi doloroso pra mim passei bem dois meses na lama ai um dia eu acordei e pensei “Quer saber?Foda-se” E agora eu sou essa merda aqui que – eu interrompi ele com um beijo intenso, ele botou as mão em minha cintura enquanto as minhas estava em torno de seu pescoço, ele me imprensou na parede dando mais intensidade ao nosso beijo e colando mais ainda nossos corpos, eu já estava sem ar então parei o beijo com dois selinhos.
- Desculpa ok? – eu disse ainda imprensada na parede com as mãos dele em volta da minha cintura e as minhas em torno de seu pescoço.
- Não precisa... – eu dei um selinho nele.
- Desculpa por ter gritado com você, eu só estava com raiva por que tu estava me ignorando, entenda uma coisa nunca me ignore se não eu te mato – ele riu e me deu um selinho me soltando.
- Eu tenho que ir embora – ele disse e se sentou na cama.
- Tchau, quanto antes tu ir melhor
- Oh consideração – ele se levantou e foi saindo do quarto.
- Hey – ele olhou pra mim – tu sabe que não é verdade – ele riu e veio até mim me dando um beijo muito intenso, sabe tipo: OMG!Poso morrer? :) Kkk’ ele me levantou um pouco fazendo eu enrolar minhas pernas em volta da sua cintura, ele foi me levando até a minha cama sem desgrudar nossos lábios – Bieber – ele continuou me beijando e eu ri – minha mãe tá no quarto da frente – ele parou um pouco e riu me dando outro beijo gostoso.Ele continuava em cima de mim beijando meu pescoço quando ele parou.
- Eu tenho que ir embora – ele disse olhando pro relógio que tinha no seu pulso.
- Dorme aqui?
- Não posso – eu fiz um bico e ele riu me dando um selinho. Ele se levantou e ajeitou a roupa – Já são onze horas.
- Wow!Já? – ele assentiu e eu me levantei – Pois tchau então.
- Vem me leva até a porta – ele me puxou e segurou minha mão, eu ri e nos descemos.Minha mãe estava lá em baixo assistindo TV.
- Já vai Justin? – minha mãe disse assim que percebeu que nós estávamos indo pra porta.
- Já sim – ele sorriu.
- Por que não dorme aqui, já está tarde pra você dirigir.
- Mas eu não sei se minha mãe vai deixar.
- Eu ligo pra ela e aviso – ela sorriu pegando o telefone – pode subir o quarto de hospedes tá arrumado – é meus amores minha mãe é legal, não idiota. Nós rimos e subimos pro meu quarto é claro nós não íamos dormir agora. Eu entrei no quarto e me joguei na cama.
- Minha sogrinha não é boa não – ele se jogou do meu lado e eu ri.
- É de boba só... A filha – nós rimos.
- Eu não quero ficar no quarto de hospedes não – ele fez um bico e me abraçou de lado.
- Eu quero...
- O que?
- Que tu vá dormi no quarto de hospedes.
- Por quê?
- Se tu por um acaso dormir aqui comigo, é capaz de eu acordar nua – eu dei um sorriso sínico e ele deu uma alta gargalhada.
- Eu não vou fazer nada que você não queira – ele riu malicioso e me deu um selinho mordendo meu lábio inferior.
- Que horror! – eu disse rindo e empurrando ele.
- Não vai ser horror quando tu tiver aqui, corpo com corpo, boca com boca... – eu o interrompi.
- Cala a boca Bieber, se tu não quiser que eu pule daquela janela – ele riu.
- Rum!Devia dá mais valor pro teu namorado Andy, amanha ele pode não está aqui.
- Shiiu... Não fala merda Bieber... Oh isso deve ser difícil pra ti não é?
- O que?Não te ver amanha?
- Não, não falar merda – ele olhou com uma cara de bunda pra mim.
- Haha Andy, morri de rir, serio, tu já pensou em virar comediante? – ele começou a rir e parou do nada olhando com cara de merda pra mim. Eu ri e olhei pra ele.
- Vamos dormi Bieber?
- Oh por quê?
- Eu estou com sono – eu me embrulhei e ele se levantou e tirou a camisa – Epa!Te controla Bieber que as crianças ainda tão acordadas – ele riu.
- Tu acha que eu vou dormir com a roupa que eu vou amanha pra escola? – eu olhei pra cara dele concordando – Deixa de ser besta – ele botou as mãos em cima dos botões da calça.
- Epa!Nem pense.
- O que?
- Não tira a calça.
- Por quê?
- Se minha mãe abrir a porta e te ver aqui, e ainda só de cueca ela vai achar muita coisa – e também por que eu já estava pra morrer com o tanquinho sedução dele, simples e se ele ficasse só de cueca já era, acordo que nem a Bella em amanhecer parte um: penas e cama quebrada.
- Tá bom – ele revirou os olhos e tirou os tênis ficando só de meia, calça e sem camisa... Ok, não é?Eu estou vendo uma luz sabe tipo a morte a caminho. Ele se deitou do meu lado e se embrulhou também – Boa noite.
- Boa noite – eu me virei pro outro lado e ele me puxou pela cintura colando nossos corpos.
- Tá eu não vou conseguir dormir sem te beijar – eu não tive nem como falar ele me beijou e sabe aquele beijo que você pode morrer depois, por que tu vai tá feliz?Então – Pronto, agora eu posso dormir – ele disse logo depois de terminar nosso beijo, eu me virei de novo e logo dormi, serio Man eu estou cansada.
[...]
Acordei e o Bieber ainda estava abraçado a minha cintura, olhei pro relógio que tinha no meu criado mudo e já eram dez e meia...OMG!DEZ E MEIA?!Peguei meu celular desesperada e Uia tem uma mensagem, oh é da minha mãe dizendo que não tinha problema a gente não ir pra escola hoje.Chega eu me acalmei e me ajeitei na cama, me virei de frente pro Bieber que dormia tão fofinho, serio ainda não me acostumei com eu e o Bieber, sabe?Sei lá pra mim eu TENHO que odiar ele. Eu não resisti àquela boca dele que estava vermelhinha e com um biquinho e dei um selinho nele.
- Acorda Bieber... – eu sussurrei e ele nem se mexeu. Ah eu não queria levantar mesmo... Não mentira eu quero, desenrolei suas mãos da minha cintura e fui-me levantando quando o Bieber me puxou.
- Você não sabe brincar Andy – ele disse ainda com os olhos fechados.
- Que?
- Quando tu vai acordar uma pessoa e tu dá um selinho nela, você continua até a pessoa acordar – ele abriu os olhos e fez um bico.
- Então funcionou você acordou – eu ri e ele me puxou para um beijo – Vamos Bieber levanta.
- Nós já estamos atrasados pra escola?
- Já.
- Que horas são?
- Dez e meia – ele arregalou os olhos e se sentou na cama.
- Hãn?
- Minha mãe não acordou a gente e eu me esqueci de botar o celular pra despertar e ela mandou uma mensagem dizendo que sem problema a gente na ir a escola hoje.

HEY BABYS!EU TÔ AKI EM PLENA 03:23 DA MANHA POSTANDO HEHE ~LE EU BESTA KKKKK" PURIÇO EU  NUM VO RESPONDER OS COMENTS OK?MAIS DEPOIS DE AMANHA EU ESPONDO :D AH GENTE SEGUE O FC QUE EU FIZ : @Justlena_ ER SÓ QUEM GOSTA DA SEL OU DE JELENA OKS?KISSES LOVE U BY: Flor

6 comentários:

  1. http://votorama.mtv.uol.com.br/artista-internacional-vmb-2012 GENTE VOTEM NO JUS para melhor artista internacional!

    ResponderExcluir
  2. Adorei!!!Mto lindo!!
    Continuaaaaa pf!!!

    ResponderExcluir
  3. haha gostei. Mesmo eu lendo um seculo dps (rs)

    ResponderExcluir

Se for comentar em anonimo,deixe nome ou twitter,thanks :D